Sem Razões

This is the excerpt for a placeholder post.

O ano era 2012.

Uma parte dos autores que eu conheço engatilhavam novos livros no mercado.

Editoras se preparavam para publicar novos talentos.

Youtubers, Twiteiros, Facebookers começavam a despontar como talentos formadores de opinião, mudando a cara da mídia social brasileira e da mídia tradicional.

2012 era o ano da mudança.

Eu engatilhava uma nove milímetros preta, olhava o cano preto, escuro e frio por um bom tempo, enfiava na boca e me preparava para morrer.

Tinha ali pelos meus 29 anos.

Meu pai morrera uns 6 anos antes, minha mãe passava por uma deterioração mental que a levaria à demência tempos depois. Eu era raiva e loucura, inveja e frustração. Carregava comigo um desejo de morte e uma vontade louca de fazer uma besteira.

Iria acabar ali, de um jeito ou de outro, bastava apertar o gatilho e toda a dor iria embora para sempre. O que existia depois era um mistério, uma aventura para a qual eu não sabia se estava preparado ou se funcionaria como uma fuga para os meus fracassos.

Aprendi algo importante naquele dia: eu era capaz de odiar.

Odiava minha namorada.

Odiava a literatura.

Odiava meus amigos.

Odiava o que eu escrevia.

Odiava o que você escrevia.

Odiava por odiar e isso me era o suficiente.

Então eu entendi: quando você passa tempo demais odiando as outras pessoas, está na verdade, odiando a si mesmo.

O ano era 2012, a literatura nacional avançava.

Eu estava estagnado, paralisado, fracassado, envolto pela minha ira, pelos meus erros, pela minha culpa e iria dar um fim àquilo.

O ano era 2012, eu apertava o gatilho.

 

_________

Sem Razões é um livro-diário-blog do autor José Roberto Vieira (também conhecido como Zero Vier). Postado no Wattpad, o livro também está disponível aqui no blog através de posts.

Este livro é um relato de sua luta contra a depressão, iniciada a partir de 2012, quando a doença atingiu seu ápice.

Obra disponível para publicação.

 

Se você tem conta no Wattpad, pode ler o livro AQUI.